A guerra de Órion

Imaginem vocês se a terra fosse um presídio de segurança máxima, onde nem mesmo a morte te libertaria daqui, até que cumprisse a sua pena. Vamos mais longe ainda. Imagine agora que você fosse tão grande, mas tão grande, que tiveram que te desmembrar em 37 partes e cada uma destas partes fosse enviada para um presídio similar a terra. Então, o tão grande e poderoso foi repartido e suas partes aprisionadas em mundos diferentes hoje conhecidos como multiverso. Nos limites do impossível, mesmo se uma parte conseguisse escapar, ela teria de fazer uma busca eterna pelas suas outras 36 partes ou pedaços. Leve também em conta que teve sua memória apagada e nem em sonho conseguiria imaginar o que lhe sucedera. O idealizador de um projeto, assim, tão inexoravelmente grande teria que ser muito, mas muito maior e grandioso, que todos os que assim aprisionou. Em verdade, isso é o que se sucedeu a todas as almas envolvidas na guerra de Órion. Todos os habitantes ou almas desde o princípio deste planeta foram e são prisioneiros despedaçados oriundos da constelação de Órion. A vinda de Jesus Cristo ao presídio veio assegurar uma liberdade condicional. Abriu portas para que tivéssemos consciência da nossa situação de prisioneiros e pudéssemos acelerar o processo de reunificação. Cabe aqui deixar claro que as possibilidades de libertação e expansão da consciência são para aqueles que a buscam, sem uma busca perseverante e sincera não se chega a lugar nenhum. A história é muito, muito extensa, pois data de bilhões de anos e se insere em infinitas dimensões de uma única célula. Ficaria muito cansativo tentar detalhar tudo, vou resumir buscando sempre a essência.

Um comentário em “A guerra de Órion

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s